Tudo Sobre Passe, Manchete, Saque no Voleibol

Todos os elementos que estão no titulo do artigo (Passe, Manchete e Saque) são algo essencial quando se joga voleibol.

Quando um jogador consegue fazer pelo menos estas 3 coisas bem, aí ele será certamente considerado um bom jogador.

Mas a verdade é que apesar de parecer simples e você talvez achar que os consegue fazer bem, numa situação de jogo a sério, onde a bola vem com força, torta, para a esquerda, para a direita, …

É preciso total domínio num elemento para conseguir ser se versátil e jogar todas as bolas bem, independentemente da situação.

Vamos ver então o que é cada uma destas coisas, para que servem e como se fazem.

Passe no Voleibol

O passe é o 1º toque efetuado pela equipa quando a bola vai para a sua metade da quadra.

Este passe é normalmente feito através de manchete, visto que os adversários tentar mandar uma bola forte e em direção ao chão.

Ele pode ser também feito em forma de “toque” que é com um movimento feito com as duas mãos tocando apenas com as pontas dos dedos, no qual a junção dos polegares e indicadores das duas mãos devem formar uma espécie de triângulo.

É bastante importante fazer um bom passe porque é ele que irá ditar o ritmo daquela jogada.

Um bom passe é aquele que mete a bola no levantador em perfeitas condições para ele fazer o 2º toque e levantar para um dos laterais finalizar a jogada.

manchete-voleibol

Manchete NO VOLEIBOL

Como já foi dito, a manchete é utilizada na maioria dos casos como passe, mas não só.

A manchete deve ser feita com os braços unidos e esticados para fora de forma a fazer uma receção com o máximo de controle possivel. Deve também flexionar os joelhos na hora que vai tocar a bola.

Leia Mais >  Quadra de Handebol [Medidas, Linhas, Cores, ...]

Uma manchete que correu mal foi aquela que saiu em más condições para o seu colega de equipa ou aquela que mandou diretamente para a metade da equipa adversária, a qual é chamada de “bola de graça”.

manchete

Saque NO VOLEIBOL

O saque é o elemento que marca o inicio de cada jogada e é feito pelo elemento que está no fundo do campo e do lado direito da formação.

Existem vários tipos de saque, tais como:

Saque por Baixo ou Por Cima

Estes são os saques mais comuns.

O que carateriza estes saques já está explicito no seu nome.

O saque por cima é feito por cima da cabeça, com uma palmada na bola. O saque por baixo é feito no mesmo movimento de pêndulo mas em vez de ser acima da cabeça é abaixo do nível da cintura.

Como o saque por baixo é considerado um saque de fácil receção ele não é usado em competições profissionais.

Saque com Efeito

Este saque é feito como o saque por cima, com o mesmo efeito de pendulo, mas em vez de o jogador acertar com a palma da mão, ele dá um efeito giratório á bola.

Isto faz com que a bola em vez de perder velocidade durante o saque ela mantenha a mesma velocidade, sendo assim mais rápido e potente.

É o mesmo efeito que uma arma dá a uma bala com o efeito cano com estrias giratórias.

saque-voleibol

Jornada das Estrelas

Foi um tipo de saque que foi popularizado na década de 80, o qual tinha como carateristica principal ser um saque arqueado, o qual fazia a bola alcançar alturas até 25 metros do chão.

Depois a bola descia a grande velocidade (cerca de 70 km/h).

Nos dias de hoje este tipo de saque é considerado ultrapassado visto não ser assim de tão difícil receção.

Saque Flutuante

Este saque é o único que ainda é utilizado e é feito de forma lenta.

O jogador um toque ao de leve na bola, de forma a que ela perca velocidade rapidamente e que caia perto da rede, nas costas dos atacantes.

Leia Mais >  Tudo Sobre Badminton [Regras, História, ...]

Viagem do Fundo do Mar

Este é a versão mais forte do saque por cima.

O jogador toma balanço, lança a bola ao ar, dá umas passadas largas, e dá um salto. Quando alcança a altura máxima dá uma palmada potente na bola de forma à bola ir densa e bastante rápido.

Como puderam perceber, atualmente o saque mais utilizado é aquele que é feito com força porque é considerado o mais complicado para a equipa adversária conseguir receber.

E então, ficou com alguma dúvida?
Se sim então não se esqueça de deixar nos comentários que nós iremos tentar responder-lhe o mais rapidamente possivel.

Obrigado.

1 Comment
  1. ROSANGELA ROSA RIBEIRO
    5 agosto, 2017

    ??Sou da de vôlei. Acompanho todos os campeonatos nacionais e internacionais, sempre a possível.
    Conhecia todas as regras. Mas ainda assim ao ler este site sportregras, considero estar mais bem informada do meu esporte preferido.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *